loading...

Estimular os hábitos de leitura

alt 
Ter livros à volta, habituar a criança a ver os pais a lerem ou contar-lhe histórias ao deitar são bons exemplos.
É a curiosidade que faz com que as crianças se desenvolvam e amadureçam. 
 
Esta característica faz com que desde muito cedo, tenham interesse em saber o que está escrito nos anúncios e outdoors que se encontram nas ruas. Para além disso, querem saber os números e as letras, para que consigam dizer quantos anos têm e escrever o nome nos desenhos.
 
 É fácil de entender que nenhuma outra palavra tem tanta importância como o nome, uma vez que se encontra intimamente ligada à procura de identidade. Nesta fase, a descoberta de letras e de sons é muitas vezes feita através de lengalengas e de rimas, onde aparecem várias palavras com o mesmo som e num determinado ritmo. 
 
À medida que os mais pequenos vão decifrando a escrita e atribuindo-lhe um significado, vão também percebendo a sua utilidade como meio privilegiado de comunicação. Certo é que com três anos algumas crianças já reconhecem letras, ainda que isso se deva ao exercício de memória fotográfica.
 
 Aliás, não há nenhuma prova cientifica que nos leve a pensar que uma criança que já lê aos quatro anos, vá ser melhor nessa área, que outra que só começou aos seis. Ainda assim, a estimulação para a leitura é algo que se deve fazer desde tenra idade. 
 
Ter livros à volta, habituar a criança a ver os pais a lerem, contar-lhe histórias ao deitar, são alguns exemplos que servem para isso mesmo.
 
Fonte: paisefilhos.pt
 
Blue Eyes

Comente com o Facebook:

Siga-nos por email

Insira o seu email:

Entregue por FeedBurner