8 coisas que uma mãe tranquila faz!

Sempre que são temas relacionados com mães eu gosto de partilhar. Afinal o saber não ocupa lugar!

Vamos à lista:
1) Nunca recusar ajuda
Mães tranquilas não recusam ajuda! Sempre que alguém se prontificar em ajudá-las, elas aceitarão! Pode ser a mãe, a sogra, o marido, as cunhadas, as amigas… Todo tipo de ajuda é válido e faz com que a mãe fique mais leve.

2) Escutar conselhos
Elas deixam o orgulho próprio para trás, sabem distinguir um conselho construtivo de uma crítica competitiva (porque competição entre mães ninguém tem paciência para aceitar). Caso elas não concordem, apenas discordam e não entram em uma briga por conta disso.

3) Não levar trabalho para casa e nem as crianças para o trabalho
Foco é o mote dessa mãe. Quando está no trabalho, foca 100% nele e quando está em casa, a atenção é toda para as crianças. Isso faz com que elas estabeleçam limites próprios e obtenham melhores resultados tanto no horário comercial como na educação e afecto dos seus filhos.

4) Aceitar suas condições
Se ela trabalha fora, planeia com quem seus filhos ficarão e, se fica em casa, sabe administrar seus horários e funções. Ela não se sente culpada, afinal, essa é sua condição. Se não há maneira melhor, ela aceita sem maiores problemas.

5) Valorizar o afecto
Sempre que seus filhos chegam perto, elas os abraça e age com carinho. Tentem fazer isso em casa: sempre que cruzar com seus filhos, deem um abraço, um beijo, façam um elogio ou sinal de afecto para eles. Isso faz com que o vínculo torne-se mais forte entre ambas as partes e a convivência fique mais tranquila.

6) Não se cobrar perfeição
Nós estamos sempre nos cobrando mais e mais. Não sei até que ponto isso é certo ou errado, mas, certamente, é mais stressante se auto cobrar o tempo todo. Mães tranquilas tentam fazer o seu melhor e sabem disso. Elas não se desesperam quando ocorrem falhas, apenas aprendem com os fatos.

7) Não julgar as outras mães
Muitas vezes é difícil de cumprir essa tarefa, mas é fundamental. Cada criança é uma, cada mãe é uma. Não podemos julgar a vida do outro. E lembre-se: se é tão fácil julgar os outros, também é fácil para os outros julgarem a gente.

8) Ensinar seus filhos a agirem
É muito mais fácil pensarmos: “Vou arrumar o quarto que as crianças bagunçaram porque farei isso muito mais rápido”. Mas quanto antes ensinarmos nossos filhos a fazerem as tarefas simples de casa, mais fácil ficará mais para frente, quando você não precisará nem falar, eles apenas farão a função que sobraria para você.

Fonte:  justrealmoms.com.br

Blue Eyes

Comente com o Facebook:

Siga-nos por email

Insira o seu email:

Entregue por FeedBurner